IBGE divulga crescimento de 25% em vendas de produtos de Informática

O  Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgou na última 3a feira dia 14/09 informações sobre o desempenho do mercado varejista no mês de julho que revela que a área de Informática, em especial, a venda de PCs segue em ritmo crescente em 2010.

De acordo com o IBGE, o segmento de equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação foi responsável pelo sétimo maior impacto na formação da taxa global do mês de julho. O volume de vendas foi da ordem de 20,3% acima do mês de maio, com taxas acumuladas no ano de 25,0% e nos últimos 12 meses de 16,1%.

Os fatores que vêm determinando este desempenho, observa o IBGE, foram além dos aumentos da massa de rendimentos e do crédito, a importância crescente que os produtos de informática e comunicação vêm obtendo nos hábitos de consumo das famílias e a redução de seus preços. Como exemplo, têm-se para microcomputadores e aparelhos telefônicos (fixo e celular) variações de preços no acumulado dos últimos 12 meses da ordem de -7,1% e -8,3%, respectivamente, segundo o IPCA.

Em julho, completa o estudo do IBGE, o comércio varejista do país registrou, tanto no volume de vendas quanto na receita nominal, crescimento de 0,4% em relação ao mês anterior com ajuste sazonal. Com esse resultado o setor manteve a sequência de taxas positivas, sendo de três meses para o volume e de sete para receita, como aponta a evolução dos indicadores de base fixa e de médias móveis trimestrais.

Nas demais comparações, extraídas das séries originais (sem ajuste), o varejo nacional obteve, em termos de volume de vendas, acréscimos da ordem de 10,9% sobre julho do ano anterior e de 11,4% e 9,7% nos acumulados dos sete primeiros meses do ano e dos últimos 12 meses, respectivamente. Para os mesmos indicadores, a receita nominal de vendas apresentou taxas de variação de 13,5%, 14,5% e de 12,7%, respectivamente.