Oi assina convênio com a Marinha do Brasil



A Oi e a Marinha do Brasil formalizaram, um acordo de cooperação para fornecimento de serviços de telecomunicações da Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF), que está sendo reconstruída. O convênio foi assinado pelo presidente Francisco Valim, e pelo Comandante da Marinha do Brasil, Almirante-de-Esquadra Julio Soares de Moura Neto, durante a solenidade de comemoração do Dia do Marinheiro, no Grupamento de Fuzileiros Navais, em Brasília.
 
O Presidente Francisco Valim e o Comandante da Marinha do Brasil, Almirante-de-Esquadra Julio Soares de Moura Neto na assinatura do convênio. Na ocasião, também foi lançado o cartão de TUP comemorativo do Dia do Marinheiro (13 de dezembro)

A assinatura do convênio confirma o compromisso assumido pela Oi em visita realizada ao Comandante da Marinha, em março deste ano, quando Valim propôs a renovação do convênio de prestação de serviços integrados de telecomunicações à base brasileira na Antártica. Com a formalização do acordo, a Oi volta a atuar novamente em parceria com a Marinha do Brasil na implantação e manutenção da nova infraestrutura de telecomunicações para serviços integrados de voz, dados, internet, mobilidade e solução para recepção de TV, fornecidos à base desde 2006.
Pelo acordo, a Oi deverá montar uma estação terrena de satélite, que ligará a base brasileira à rede corporativa da Marinha, garantindo a conectividade dos militares e pesquisadores instalados na EACF e agilidade na comunicação com suas famílias, com a rede corporativa da Marinha e com demais centros de pesquisa e universidades em território brasileiro. O acordo inclui ainda treinamento e qualificação das equipes da Marinha, realizados anualmente, para a operacionalização do sistema e a manutenção dos equipamentos. A Oi também realizará revisão e manutenção preventiva dos equipamentos no local.
Com a perda dos equipamentos que estavam na estação, a Oi vai reconstruir a infraestrutura de telecomunicações, especialmente adaptadas para suportar as adversidades climáticas, como o vento e as baixas temperaturas. Entre os novos equipamentos que estão sendo fornecidos à base brasileira pela Oi estão antenas com sistema anticongelante, modems com sistema de chaveamento, roteadores, terminais para gerenciamento da estação, pressurizador, antenas de transmissão e recepção de sinais de telefonia móvel, aparelhos de telefonia móvel, etc. Os equipamentos já foram embarcados e estão a caminho da estação brasileira. A previsão é que a nova estrutura de telecomunicações estará pronta até o final de janeiro.
"A Oi tem o compromisso de participar ativamente de projetos em benefício da sociedade brasileira. Nesse sentido, a companhia entende que o convênio para o atendimento à EACF é mais uma iniciativa com o objetivo de reforçar a presença da tecnologia brasileira no continente antártico e dar continuidade às pesquisas científicas que vinham sendo desenvolvidas nos últimos anos", afirmou Valim.