Mais aplicativos grátis para Android (Google) que iOS (Apple)

No último dia 28, quinta feira passada, o relatório Distimo (empresa privada, com sede Utrecht-Holanda) pela primeira vez aponta que o número de aplicativos Android Market (google) , superou o total de aplicativos grátis da App Store para iPhoneem mais de 10 mil apps. O estudo indica 134,342 mil aplicativos gratuitos na loja do Android contra 121,845 mil apps na do iPhone. Comparando, o volume total de aplicativos, a App Store para iPhone ainda é disparado a maior loja de aplicativos com 333,214 mil apps, contra 206,143 mil do Android Market. O que significa que o número de aplicativos pagos da loja do Google não chega a um terço do total de aplicativos pagos da App Store para iPhone.

A Distimo separa as lojas do iOS para smartphones e tablets da Apple, enquanto as lojas dos demais sistemas operacionais não apresentam essa divisão. A App Store para iPad tem um total de 75,755 mil aplicativos, dos quais mais de 20 mil são gratuitos. Entretanto, não de pode simplesmente somar as duas lojas da Apple, pois haveria apps contatos em duplicidade porque dos quase 76 mil aplicativos, apenas 34,12 mil foram desenhados exclusivamente para o tablet. O volume total de aplicativos do iOS, de acordo com a Distimo, soma atualmente 367,334 apps. Outro dado interessante é que os top publishers do iPad já desenvolvem conteúdos para outras plataformas: 58% dos 50 publishers mais populares já desenvolveram app para outras plataformas que não iOS.  

O ranking de loja de aplicativos nos EUA em março permanece sendo liderado pela App Store para iPhone (333,2 mil apps), que cresceu 6% no mês em número de aplicativos; seguido pelo Android Market (206,1 mil apps), com crescimento de 16%; e, na sequência, pela App Store para iPad (75,8 mil apps), com aumento de 12%. Em quarto lugar, ficou a Ovi Store, da Nokia, com um total de 29,92 mil aplicativos e crescimento de 10% em relação ao relatório do mês anterior. Na quinta posição, a BlackBerry App World, da RIM, cresceu 21% e fechou março com 26,771 mil; seguida pela Getjar (uma loja independente com apps para Android, BlackBerry, Windows Mobile, iPhone and Symbian), com 20,355 mil aplicativos e crescimento de 3%. Só então vem o Windows Phone 7 Market place, com apenas 11,731 apps e o significativo crescimento de 38%. Na lanterna, o Palm App Catalog, da HP, com 6,363 mil apps e aumento de 3%. A Distimo estima que ao final de junho deste ano, ainda levando em conta apenas o mercado dos Estados Unidos, Android Market consiga reduzir para apenas 40 mil a diferença entre o seu total de aplicativos e o volume oferecido pela App Store para iPhone, diferença essa que deve deixar de existir no final de julho. O estudo estima também que, nos próximos seis meses, a BlackBerry App World dobre de tamanho e, provavelmente, ultrapasse no ranking a Ovi Store da Nokia ainda no fim do próximo mês de maio. Há ainda a previsão de que, mantido o ritmo de crescimento, o Windows Phone 7 Marketplace deve ultrapassar a loja de aplicativos da Nokia e do Blackberry antes mesmo de completar um ano.